The news is by your side.

Internos LGBT+ do Centro de Detenção Provisória da Serra recebem certificados do Qualificar ES

CAPACITAÇÃO contou com uma simulação de um casamento para a demonstração das técnicas desenvolvidas no curso.

 

Internos LGBT+ (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais ou Transgêneros) do Centro de Detenção Provisória da Serra (CDPS) receberam, nessa quarta-feira (16), certificados de formação dos cursos de Maquiador Profissional e Designer de Sobrancelhas.

A cerimônia contou com uma simulação de um casamento para a demonstração das técnicas desenvolvidas no curso. A capacitação foi ofertada pela Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) em parceria com o Centro Estadual de Educação Técnica (CEET) Vasco Coutinho e a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti), por meio do projeto Qualificar ES.

As aulas foram iniciadas no mês de setembro e beneficiaram 32 participantes. Os alunos puderam conhecer técnicas de maquiagem para noivas, um mercado promissor no Estado. O professor à frente do curso, Edy Belucio, explicou que essas tendências, foram a base dos cursos oferecidos.

“Busquei mostrar para eles o dia a dia do mercado, as tendências e o que há de mais inovador nesta área. Foi uma experiência grandiosa. Fiquei muito feliz de ser o educador desse público tão importante e, infelizmente, tão discriminado pela sociedade. Fico muito feliz como professor da área. Honrado, pela recepção dos alunos e o envolvimento de todos eles”, disse.

Ainda segundo Belucio, o mercado da beleza não teve queda, pelo contrário, teve crescimento e se mostra com rentabilidade muito elevada. “O mercado está aí, precisando de bons profissionais e esperando por eles lá fora. Tudo que foi trabalhado com os internos é o que há de mais atual e pode ser desenvolvido lá fora”, destacou.

A gerente de Educação Profissional da Secti, Renata Resstel, falou sobre a importância da qualificação. “Fico grandemente honrada por estar aqui, no CDPS, na entrega dos certificados do curso de qualificação profissional. Feliz também em ver o envolvimento dos participantes e o interesse do Governo do Estado em investir em qualificação para este público. Estamos à disposição da Sejus para manter a parceria da Secti com o Qualificar ES”, ressaltou.

A interna Santinha é profissional da área da beleza e garantiu que os conteúdos dos cursos foram muito bem aproveitados. “Aproveitei os cursos para agregar ao meu trabalho. Eu trabalhava em um centro de beleza. Vai ser muito bom para mim! Foi uma reciclagem, uma atualização de tudo que já conhecia. Sem dúvida, o aprendizado será usado no meu trabalho. Amei tudo!”, afirmou.

A galeria D, composta pelo público LGBT+ no Centro de Detenção Provisória da Serra já recebeu premiação pela atitude humanizadora, reconhecida no Prêmio Humaniza, iniciativa que reconhece as boas práticas do sistema penitenciário. Para a diretora adjunta do CDPS, Flavia Sobrinho, a capacitação só eleva a autoestima dos internos. “Os cursos desenvolvidos com o público LGBT são de grande importância. Eles se sentem valorizados, com mais autoestima, e com conhecimento para conquistar uma recolocação no mercado de trabalho”, pontuou.

você pode gostar também
Comentários
Loading...