The news is by your side.

Governadora em exercício dá as boas-vindas ao grupo de supervisores da Atenção Primária à Saúde

NESTA segunda-feira, Jaqueline Moraes deu as boas-vindas ao grupo de supervisores.

 

Na tarde desta segunda-feira (04), a governadora em exercício, Jaqueline Moraes, deu as boas-vindas ao grupo de supervisores que irá atuar como docentes-assistenciais no Programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde, o Qualifica APS. O grupo iniciou o processo de qualificação na manhã desta segunda-feira.

Na solenidade, que aconteceu no Palácio Anchieta, em Vitória, também estiveram presentes o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes; a diretora geral do Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPi), Quelen Tanize Alves da Silva; o presidente da Associação Capixaba de Medicina de Família, Diego Brandão; superintendentes das regionais de Saúde do Estado, prefeitos e outras autoridades.

Em sua fala, a governadora em exercício destacou a responsabilidade e a importância do novo modelo de gestão para a rede de saúde no Espírito Santo. “Desejo boa sorte a todas e todos os tutores, pois sei que é fundamental a atuação de vocês dentro do programa de formação da atenção primária que representa uma melhora, tanto para os pacientes, quanto para os profissionais, já que vocês estarão trabalhando dentro de um conceito moderno e humanizado, proporcionando condições para que seja ampliado o acesso à atenção primária, considerado a porta de entrada e de melhorias no atendimento do sistema SUS”, disse.

Jaqueline Moraes ressaltou que para que a Atenção Básica dê resultados é preciso capacitar os profissionais. “E hoje eu vejo aqui, no Palácio Anchieta, o Estado garantindo e investindo em especialistas, formados com qualidade, que irão atuar dentro das unidades de saúde com mais envolvimento e produtividade, buscando em seus territórios um trabalho de saúde diferenciado que será destaque em todo o Brasil”.

O secretário Nésio Fernandes afirmou que esse projeto é uma aposta alta do Governo do Estado, para o fortalecimento da Atenção Primária à Saúde, e frisou que o programa é uma prioridade nesta gestão.  “Nós apostamos muito nesse processo. O símbolo de tê-los aqui no Palácio, hoje, é para o entendimento que esse é um projeto que o Governo encara como prioridade. Vamos transformar a saúde pública do Espírito Santo”, explicou.

Nésio Fernandes pontuou ainda que durante esse processo será realizado um alinhamento metodológico entre os profissionais selecionados para, de fato, transformar o atendimento na saúde pública. “Queremos de fato que vocês possam receber uma qualificação aqui no Estado, um alinhamento metodológico para que todos trabalhemos com a mesma concepção, com as mesmas lógicas de trabalho para garantir que esses profissionais que serão supervisionados por vocês possam ser a ponta de lança para transformar a saúde pública.”

A diretora geral do ICEPi, Quelen Tanize Alves da Silva, lembrou que a saúde pública do Espírito Santo é um desafio para o governo, e que para mudar é preciso fortalecer a atenção primária. “Saúde não é só ausência de doença. Saúde precisa ser avaliada por diferentes olhares. Quero convidar vocês a neste momento aceitar o desafio de fortalecer a Atenção Primária e ser protagonista neste momento e entender o papel que o Espírito Santo busca desenvolver a partir de agora, que é ser um dos estados que tem a maior qualidade no acesso da população a Atenção Primária à Saúde”, declarou.

Segundo o presidente da Associação Capixaba de Medicina de Família (ACMFC), Diego Brandão, a proposta de fortalecimento da atenção primária é uma inovação. “É uma oportunidade muito rica para a saúde pública capixaba ter a oportunidade de desenvolver processos inovadores. De fato, essa é uma inovação. Esse é um projeto diferente pois parte da qualificação do profissional médico. Imagino que a partir dessa integração entre o profissional médico e os profissionais tutores que estão entrando hoje, a gente possa vislumbrar uma equipe de saúde muito resolutiva, que é nosso objetivo.”

Os profissionais atuarão como tutores no Programa “Qualifica APS” em atividades docente-assistenciais com os profissionais cirurgiões-dentistas e enfermeiros que atuarão nas equipes de Saúde da Família em todo o Estado foram selecionados por meio do Edital ICEPi/SESA Nº 007/2019.

 

Programa Qualifica APS

O Programa de Qualificação da Atenção Primária à Saúde, o Qualifica APS, é conduzido pelo ICEPi e visa a promover a qualificação e ampliação do acesso da APS dos municípios por meio de iniciativas que vão desde formação em saúde, informação em saúde, apoio institucional até infraestrutura tecnológica.

Entre as ações que o programa executa, destaca-se o componente de provimento e qualificação de pessoal, a exemplo do recrutamento e seleção de profissionais médicos, enfermeiros e cirurgiões-dentistas, para compor as equipes de Saúde da Família dos 76 municípios capixabas que aderiram ao programa.

Além dos tutores especialistas em APS e na Saúde da Família, o programa selecionou, no último dia 22 de outubro, 40 médicos especialistas em Medicina de Família e Comunidade.

 

 

você pode gostar também
Comentários
Loading...