Seu portal de Notícias do Norte

Empreendedores capixabas do setor de turismo têm linha de crédito exclusiva no Bandes

O setor de turismo foi um dos mais afetados durante a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). As medidas de isolamento social que foram necessárias prejudicaram hotéis e outros estabelecimentos que dependem da circulação de pessoas. Para mitigar esse problema, o Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) vem oferecendo soluções de crédito às empresas não só de hospedagem, mas bares, restaurantes e outros negócios ligados à cadeia produtiva.

Além do crédito emergencial do Fundo Geral do Turismo (Fungetur), operado pelo banco capixaba desde o ano passado, o Fundo de Proteção ao Emprego é uma opção. Em 2020, cerca de R$ 10 milhões foram movimentados e, este ano, até maio, cerca de R$ 7 milhões já foram liberados, especificamente para negócios que atendem aos turistas. O Fundo oferece financiamentos para capital de giro de até R$ 1 milhão para empresas de todos os portes, com prazo de até 72 meses e correção apenas pela taxa Selic.

Para mostrar esses números e esclarecer como os empresários podem ter acesso ao crédito, a equipe do banco participou, nessa segunda-feira (15), de reunião do Conselho Estadual de Turismo (Contures). “Além de já ser repassador dos recursos do Ministério do Turismo há anos com o Fugentur, o Bandes agora opera com a melhor linha do País para as empresas impactadas pela pandemia, com o Fundo de Proteção ao Emprego, uma alternativa muito positiva para os empresários recuperarem a capacidade econômica”, destaca o diretor de Negócios do banco capixaba, Marcos Kneip Navarro.

Para a secretária de Turismo, Lenise Loureiro, a atenção do Governo do Estado para o setor disponibilizando o Fundo de Aval para as operações foi um diferencial importante para o momento. “O Governo do Estado sempre dialogou com o setor e construiu alternativas de apoio para o enfrentamento dos efeitos da pandemia”, enfatizou.

Bandes prioriza atendimento on-line

Até o momento, o Bandes tem sido procurado por empresas de todos os portes para informações sobre a linha em todos os seus canais. Para acessar o crédito, o interessado deve entrar no site do banco e preencher um formulário que será remetido à instituição para cadastro e análise, a partir do início das operações da linha.

Comentários
Loading...
error: O conteúdo está protegido !! Compartilhe