The news is by your side.

Cuidados com a dengue devem permanecer mesmo no período de inverno

 

Para evitar a proliferação do mosquito, é necessário que toda a população esteja empenhada no processo e nos cuidados.

Com a aproximação do inverno, que se inicia no próximo sábado (20), a temperatura e o índice de chuva estão menores em todo o Estado. Entretanto, os cuidados com a eliminação dos criadouros do Aedes aegypti, vetor responsável pela transmissão da dengue, zika e chikungunya, não podem parar.

Segundo o chefe do Núcleo Especial de Vigilância Ambiental, Roberto Laperriere Júnior, apesar de o mosquito apresentar baixa circulação durante essa estação, permanece o alerta para os ovos depositados nos recipientes com água: “Devido à baixa temperatura do inverno, o Aedes aegypti tende a ter uma baixa circulação, só que os ovos depositados nos recipientes com água podem ficar intactos durante meses, eclodindo no verão e iniciando um novo ciclo do vetor. Por esse motivo é essencial que as ações permaneçam durante o ano todo”, explicou.

Para evitar a proliferação do mosquito, é necessário que toda a população esteja empenhada no processo. São cuidados importantes: varrer os quintais periodicamente; verificar se as caixas d’água estão limpas e lacradas; escovar bem as bordas dos recipientes de água e alimento dos animais; manter calhas sempre limpas; colocar areia nos pratinhos de planta e manter garrafas vazias de cabeça para baixo.

Veja aqui o 24º boletim da dengue.

Veja aqui o 24º boletim de zika.

Veja aqui o 24º boletim chikungunya.

você pode gostar também
Comentários
Loading...